sexta-feira, 6 de agosto de 2010

OBRIGADO TIA XERETA

É tudo culpa sua em complo com Deus.

Neste fim de semana estamos comemorando os 57 anos de vida de minha
mãe, o que temos feito a pelo menos por minha parte a mais de 30 anos,
mas esse ano algo especial aconteceu esteve presente na hora do
parabéns a nossa queria Tia Aninha, desaparecida a 50 anos, e para
nossa maior alegria nosso primo até então desconhecido José Ricardo,
sua esposa renata e nossa priminha Ana Laura. Estamos vivendo momento
de estrema alegria e feliciade e só tenho algo a Dizer>:

É TUDO CULPA SUA

Valeu

Pr. Daniel Marcos
www.pastordanielmarcos.blogspot.com

quinta-feira, 21 de maio de 2009

Quem procura, acha

Lindalva, a xereta da Internet, já encontrou mais de 300 pessoas desaparecidas, na Internet e afins.

Se todos fossem como ela, ninguém sofreria mais com pessoas desaparecidas. Já tive uma experiência dessa na minha vida e falo que se conhecesse ela, tudo seria mais fácil.

Tudo começou quando Lindalva resolveu achar uma tia desaparecida há 50 anos. E Achou. E depois decidiu que deveria fazer isso para outras pessoas também. Depois que aprendeu os truques, não parou mais.


“Já tentei parar porque, em certos meses, gasto tanto com telefone, internet e viagens que fico no prejuízo. Mas não consigo parar. Quando me dou conta já estou de novo fazendo buscas”. Encontrar "desaparecidos", virou um vício e o mais incrível: Ela não cobra nada pelo serviço.

Os métodos, ela guarda a sete chaves. Vá que alguém queira se tornar uma "xereta" também?
Talvez o mundo seria bem melhor.

Obs: Aos que acham que isso que Lindalva faz é uma mera "tolice", experimente a sensação de ter um ente querido desaparecido.

Créditos na foto

terça-feira, 7 de abril de 2009

Maria de Fátima Ferreira achou suas irmãs em Minas Gerais, 30 anos depois

"O meu amor você não imagina a felicidade que estou vivendo por sua causa,
estou em contato com minha família em Minas Gerais por sua causa... Nem eles acreditaram e também vão te agradecer por ter me ajudado a achá-los. E esta sendo tão importante para nós você não tem noção de como é bom, estamos agora combinando de estar indo até Vespasiano conhecê-los.
Tia Xereta muito obrigada não tenho palavras para te agradecer minha querida... Só mesmo pedindo para Deus olhar por você e para toda a sua família. Beijos e abraços de uma pessoa que te admira muito!"

Maria de Fátima Ferreira

terça-feira, 31 de março de 2009

MARINA ENCONTROU SUA IRMÃ 50 ANOS DEPOIS



 

    Orfã de Mãe, Alvarina, popularmente chamadas pelos familiares de Marina, tinha um sonho encontrar noticias de seus irmãos, Maria e Ana Rosa. Através de buscas na internet e cadastros em comunidades de desaparecidos. O Sonho se tornou realidade. E mais um encontro de vida pode ser promovido.

    Marina, hoje mãe de 5 filhos, encontrou sua irmã Ana Rosa, desaparecida há 50 anos.

    "Sou grata em primeiro lugar a Deus, depois a esses voluntários que sem cobrar nada, procuram pessoas desaparecidas. Agora sou uma pessoa completa e feliz, pois encontrei minha irmã e meus sobrinhos. E tenho fé em Deus que encontrarei o restante de minha família. Realmente ainda existe amor neste mundo" – Marina

    "No meio de tanta mentira e corrupção surge uma luz. Pessoas de bem que usam a internet, não para se auto-promover mais para promover verdadeiro encontros de vida, entre pessoas desaparecidos, sou grato a todos os voluntários. Que Deus abençoe cada um deles para que não venham desanimar nesta missão" Pr. Daniel Marcos (filho da dona Marina e sobrinho da encontrada Ana Rosa).